São Paulo tem nove cidades prioritárias no combate à dengue
Voltar para:Página Inicial /Notícias
04/02/2011

     Nove cidades do Estado de São Paulo integram o ranking do Ministério da Saúde na lista de prioridades no combate a dengue. Entre elas estão São Paulo, Campinas, São José do Rio Preto, Sorocaba, Ribeirão Preto, São José dos Campos, Guarujá, Santos e São Vicente.

     O Brasil tem 70 municípios considerados prioritários para o combate à dengue neste ano. Ribeirão Preto (a 313 km de SP) está em sexto lugar.

     Segundo o secretário da Saúde de Ribeirão, Stenio Miranda, fazer parte do ranking significa "estar em alerta constante" contra o Aedes aegypti, mosquito que transmite a dengue.

     "Precisamos adotar medidas preventivas, o que já é feito, e também estar preparados para dar atendimento adequado aos doentes e evitar complicações e mortes".

     Na primeira semana deste ano foram confirmados dois casos de dengue em Ribeirão, ambos registrados na zona leste. No ano passado, durante a pior epidemia da história da cidade, foram 30 mil confirmações da doença.

     De acordo com o coordenador do Programa Nacional de Controle da Dengue, Giovanini Coelho, as 70 cidades que estão no ranking vão ter uma atenção maior.
"Isso não quer dizer que os outros municípios vão ficar abandonados ou que esses 70 vão ter, necessariamente, uma nova epidemia. O que queremos é um retrato da dengue no país."

     Uma auxiliar de enfermagem, de 36 anos, pode ser a primeira vítima fatal da dengue no Estado de São Paulo neste ano. Flávia Patrícia Quirino morava no bairro Alto do Ipiranga, zona norte de Ribeirão Preto, e morreu no dia 26 de janeiro em um hospital particular da cidade.

     Até a semana passada, Ribeirão tinha confirmado 177 casos da doença. O número ainda é menor que os 1.603 casos de janeiro de 2010. Em todo o ano passado, foram 30 mil casos de dengue e nove mortes --a primeira ocorreu em 21 de janeiro.

Saiba mais: Folha
Trecho 1 - Conjunto 4 - Lote 2 Porto Seco - Polo JK - Santa Maria Distrito Federal
CEP: 72.549-520 - Fone: (61) 3395-0128
Copyright © 2010 Bthek Biotecnologia